BLOG
FIQUE POR DENTRO!

EXPLICANDO O “THE BEST”: O SUPERLATIVO NA LÍNGUA INGLESA

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Quando as pessoas começam a ter contato com inglês, uma das expressões mais fáceis de se lembrar por ser curta e pelo que ela significa é “the best” – “a melhor” coisa de alguma categoria. Sem as pessoas saberem, elas já estão usando um superlativo. Se você nunca ouviu a palavra antes, não se preocupe, pois é bem fácil de entender.

 

A melhor coisa de um grupo

O adjetivo superlativo é utilizado para designar a “maior” coisa de um grupo, com o maior grau de alguma coisa. Nesse caso é o que acontece com “the best” – para falar do que é a “melhor coisa” de um assunto, como, por exemplo, um filme (“the best movie”). 

Isso se aplica à vários outros adjetivos; por exemplo, se a pessoa é a mais rápida de alguma coisa, ela é “the fastest”; se ela é a mais jovem de um grupo, “the youngest”; e assim por diante.

 

Formando superlativos

É bem simples: lidando com adjetivos curtos, é só adicionar “est” no final. E com adjetivos longos, é usar “most” antes do adjetivo em si. Mas qual a diferença entre um adjetivo curto e um longo?

É só contar o número de sílabas no adjetivo. Adjetivos com até duas sílabas, como “old” e “fast” ficam com “est.

A tabelinha abaixo dá alguns exemplos:

AdjetivoAdicionar ESTSignificado
OldOldestO mais velho
High / tallHighest / tallestO mais alto
LongLongestO mais longo
BrightBrightestA mais brilhante
FairFairestA mais justa

Existem, porém, algumas variantes e exceções.

Adjetivos de menos de 3 sílabas que acabem com “E” não precisam de um E adicional. E só adicionar “ST”. É bem simples:

AdjetivoAdicionar ST, já possui ESignificado
LargeLargestA mais longa / a maior
FineFinestA mais refinada
LateLatestO mais recente
SimpleSimplestO mais simples

Já se os adjetivos de até duas sílabas acabarem em “Y”, é preciso fazer com que o Y se torne I antes de adicionar EST:

AdjetivoMudar Y para I, adicionar ESTSignificado
HappyHappiestO mais feliz
BusyBusiestO mais ocupado
WealthyWealthiestA pessoa mais rica
EasyEasiestA coisa mais fácil

E caso o adjetivo se soletre com consoante + vogal + consoante, é necessário dobrar a consoante final antes de adicionar EST.

AdjetivoDobrar consoante, pôr ESTSignificado
BigBiggestO maior
FatFattestO mais gordo
SadSaddestO mais triste
ThinThinnestO mais fino/magro
HotHottestO mais quente

Temos ainda uma última exceção: adjetivos de duas sílabas que não acabam em Y, mas que também são contabilizados como “long adjectives” – como “modern” ou “pleasant”. Aí ficamos com esses e os adjetivos de 3 sílabas ou mais. Nós usamos “most”, antes do adjetivo, ao invés de adicionar EST no final da palavra.

AdjetivoAdicionar “most” antesSignificado
Modernmost modernO mais moderno
Pleasantmost pleasantO mais agradável
Expensivemost expensiveO mais caro
Intelligentmost intelligentO mais inteligente
Importantmost importantO mais importante
Complicatedmost complicatedO mais complicado
Unlikelymost unlikelyO mais improvável

Mas você deve estar se perguntando: como fica o “the best”, que mencionamos no começo do texto? É o que explicaremos agora.

 

“The best” comes last (O melhor vem por último)

Além dessas formas, alguns verbos também possuem formas irregulares. É o que acontece com “the best”. O adjetivo original é “good”, ou seja, bom. Dali, ele vira “better”, “melhor”, como comparativo; e então ele vira “best” como um superlativo.

Alguns exemplos de superlativos irregulares:

AdjetivoForma irregularSignificado
GoodBestO melhor
BadWorstO pior
FarFurthestO mais longe
LessLeastO menos (por ex. “o menos esperado”)

 

Quando usamos o superlativo?

Agora que já sabemos como os superlativos são formados, precisamos saber em quais situação os utilizamos. Os superlativos são utilizados quando possuímos três coisas ou mais, mas não menos. Por exemplo:

Charlie has two brothers. He’s the middle one. Roger is the oldest one.
(Charlie tem dois irmãos. Ele é o do meio. Roger é o mais velho.)

Se fossem apenas dois, não usaríamos “oldest”, e sim “older”, que é o comparativo, não o superlativo.

Charlies has a brother. Roger is the older one.
(Charlie tem um irmão. Roger é o mais velho.)

Jeff Bezos is the wealthiest man alive.
(Jeff Bezos é o homem mais rico vivo).

No caso acima, o superlativo se aplica naturalmente porque Bezos é comparado com todos os outros homens com vida.

 

Formando com superlativo

Ôpa! Não estamos repetindo o assunto. Não estamos falando de como formar superlativos, e sim de formar no quesito de “passar de ano”.

Um uso curioso dos superlativos nos Estados Unidos: quando eles terminam o high school, os yearbooks (uma espécie de álbum de formatura), costumam vir com superlativos para cada aluno. Com as fotos dos alunos, aparecem descrições como “Most likely to succeed” (“A pessoa mais provável a se dar bem na vida”), “Most upbeat attitude” (“A pessoa mais alto astral”), “Biggest flirt” (Maior paquerador/a), “Cutest couple” (Casal mais bonitinho), etc. Mas como a ideia é descontrair e aproveitar para brincar com todos, muitas vezes os superlativos ficam mais “soltos”, por assim dizer.

O resultado é que as descrições voam para todos os lados. Elas vão desde “most likely to survive the Hunger Games” (A pessoa mais provável a sobreviver aos Jogos Vorazes) até “most likely to be the subject of a hit and run” (A pessoa mais provável a sofrer um atropelo seguido de fuga).

Mas, claro, é tudo na brincadeira.

Isso conclui nossa passada pelos superlativos. Most interesting, wouldn’t you say? 

Para muito mais, venha empoderar o seu inglês na Beils

Você sabe qual o seu nível de inglês?

Venha testar o seu nível

de inglês

Nas habilidades seguintes:

Gramática e vocabulário

Compreensão de textos

Compreensão auditiva